"Nunca desista, nunca volte atrás, nunca perca a Fé!!!"
[Desafiando Gigantes]

Vou conseguir!!!

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Só pra não ficar devendo...




Boa tarde, pessoas lindas!

Tô passando bem depressinha... correndo, correndo...rsrsrs...

Como diz o título do post: "Só pra não ficar devendo" estou passando por aqui. Ontem já não tive tempo de postar nada pela manhã, nem tão pouco à tarde. Logo, não postei nada a noitinha...
Não gosto muito! Então, para não ficar mais um dia em pendência com vocês que me cercam sempre de tanto carinho e atenção, estou eu aqui!

Hoje, assim como ontem, me comportei direitinho... Não tão bem quanto deveria mas, não jaquei feio, não... Só comi um pouquinho além no almoço e isso será compensado com o meu jantar ligth.
Migas, hoje comprei o livro exorcize sua alma gorda (Andréa Cordoniz). Vou começar a ler e depois digo o que achei.
A Andréa esteve aqui visitando meu blog... Aí, visitei o blog dela e vi também em outros blogs os comentários a respeito do filhote dela (ela se refere ao livro como um filho. Lindo, né!)
Bem, tenho que continuar na correria... vou agora pra facul! Quando voltar da mesma, visito vocês, amigas.

************O post extraído do site Minha vida*************

Mudanças simples no menu ajudam no emagrecimento

Truques de nutricionista provam que dá para perder peso sem encanação
Se só de ouvir a palavra dieta você já desanima, talvez a melhor maneira de fazer o ponteiro da balança descer seja apostar em simples trocas. Pequenas alterações nos hábitos alimentares não exigem tanto esforço de você e resultam em significativas mudanças, não só nas suas roupas, como também na sua saúde. Tome nota dos truques ensinados pela responsável pela equipe nutricional do Minha Vida, Roberta Stella, coloque-os em prática e confira o emagrecimento.

Encha o prato de fibras
Alimentos ricos em fibras são cheios de vantagens para quem quer emagrecer. A primeira delas é que, por aumentarem a saciedade, elas fazem você se sentir satisfeita com porções menores e ainda retardam a sensação de fome. De quebra, as fibras ainda ajudam a regular o funcionamento do intestino, já que melhoram a motilidade intestinal.

Bons representantes destes alimentos são os cereais integrais (pão integral, arroz integral, aveia, legumes, frutas e verduras. Normalmente, eles são ricos em água e apresentam um baixo valor calórico, contribuindo para a redução de calorias , incentiva Roberta.

Prepare as refeições com menos óleo
A medida é prática e só rende resultados positivos. A especialista do Minha Vida lembra que os óleos, incluindo os vegetais, azeite, manteiga, margarina e creme vegetal, são ricos em calorias. Segundo ela, um grama de óleo apresenta 9 calorias. Assim, uma boa forma de reduzir a quantidade calórica das refeições é diminuir a quantidade de óleo usada nas preparações. Use menos óleo para preparar o arroz, feijão, além de trocar os alimentos fritos pelos assados ou grelhados , afirma.

Roberta ressalta que, apesar de o azeite ser um tipo de óleo relacionado a benefícios para o coração, aumentando os níveis do bom colesterol (HDL), ele é tão calórico quanto outros óleos. Por isso, ele também precisa ser consumido com moderação.

Invista em alimentos com bastante água
Devido ao grande conteúdo de água que contêm, verduras e legumes apresentam uma baixa quantidade de energia. A quantidade de água presente nesses alimentos pode variar de 80 a 95% de água , frisa a nutricionista.

Não só as poucas calorias deles somam pontos na hora de perder peso. Tais alimentos também fornecem boas doses de fibras que, como já apontado por Roberta, aumentam a saciedade e prolongam o tempo de aparecimento da fome. Ainda seguindo os conselhos da especialista, ela recomenda a sempre começar as refeições principais com um prato de saladas ou legumes cozidos.

Diminua o consumo de doces nas sobremesas
Os doces fazem com que haja um aumento rápido da glicose sanguínea, liberando mais insulina (hormônio responsável por retirar a glicose do sangue e levá-la para dentro das células para converter a glicose em energia). Esse motivo faz com que as guloseimas cheias de açúcar sejam digeridas mais rapidamente. O resultado é que a sensação de fome volta a aparecer antes do desejado.

Por enquanto é só! Mais tarde eu volto, hein!!!
Beijinhux no coração.


3 comentários:

Adriana disse...

Ótimo post querida, mas o que me deixa em dúvida é quanto aos lanchinhos...por exemplo, se ao inves de uma fruta, eu ingerir, uma barra light de chocolate, será que ele também prejudica como tal? porque ao comer, estou realmente com fome, sigo a alimetação de 3 em 3 horas, será que ele também não se transforma em glicose rapidinho?
muitas vezes, não quero fruta no lanche e sim, como sobremesa no almoço.
Quanto ao arroz, eu faço sem óleo, apenas com alho e cebola sem fritar, já que uso no molho do macarrão 1 colher e as vezes 1 fio de azeite na salada de verduras.
Se encontrar alguma ajuda, fico eternamente grata.Estou louca pelos seu comentarios a respeito do livro.
beijos com afeto, otima aula.

Anônimo disse...

Adorei o Post, foi só uma passadinha, mas abalou. Quanto ao óleo, eu faço as refeições sem óleo mesmo. Só coloco um pouco de azeite na salada, para dar aquele gostinho gostoso.

Ah, e sem doces na sobremesa, ainda estou encanada com os doces. rsrs.

Mas vc está indo muito bem.

Parabéns, beijão e ótimo fim de semana.

Arianna disse...

Eu sempre falo com a Andreia, ela é um doce e eu tb vou comprar o livro, acho que será ótimo!
Beijos

 

  © 2008 Produzido por Belíssima Web